Delta “é exemplo de boa embaixada que o Alentejo tem” diz João Oliveira no seu comentário semanal (c/som)

Publicado em Revista de Imprensa 03 maio, 2017

O deputado João Oliveira, eleito pelo círculo de Évora da CDU à Assembleia da República, no seu comentário desta quarta-feira, dia 3 de Maio, começou por falar das declarações públicas de um General das Forças Armadas que critica a decisão política de Portugal sair do Kosovo, dizendo que “há um conjunto de preocupações que naquela região se mantêm como consequências daquela guerra”.

Na sua opinião, o facto de Portugal deixar de participar na missão da NATO é “a correção de uma decisão que foi tomada na altura (…) quando não o devia ter feito” e a participação do nosso país neste tipo de forças “deve obviamente merecer uma ponderação muito criteriosa”.

Em torno das notícias que indicam que os sindicatos vão poder indicar os precários a ingressar nos quadros do Estado, o Comentador da Rádio Campanário diz que “o Governo tem todas as condições para poder dar andamento a este processo sem ficar á espera de ninguém”.

Segundo o deputado, Governo “sabe quais são os trabalhadores precários (…) e sabe o que é que é necessário para os contratar devidamente”, “portanto não há a necessidade de haver uma intervenção externa” refere João Oliveira.

O Comentador João Oliveira diz ainda que que é “essencial” que o Governo desencadeie estes processos, admitindo condições para que os próprios sindicatos “possam intervir, suscitando a apreciação deste ou daquele trabalhador, que não tenha sido considerado numa primeira fase” e espera, que a intervirem, seja uma intervenção “considerada para resolver problemas que eventualmente surjam, mas não para atrasar a soluções que é possível ir adiantando”.

No final do seu comentário, João Oliveira falou das recentes notícias em torno da presença da Delta no café mais alto do mundo, no Dubai, dizendo que a empresa é “exemplo de uma boa embaixada que o Alentejo tem”.

Segundo o Comunista, “nós precisamos, de facto, aproveitar as nossas potencialidades” e a Delta “espelha de alguma forma o bom aproveitamento das potencialidades no Alentejo”.

A terminar, João Oliveira diz que os trabalhos dos embaixadores “afetam mais do que falham” e as empresas, como a Delta, “beneficiam muito do trabalho que é feito por um corpo de embaixadores, e na opinião do Comentador da RC “aquilo que caracteriza o trabalho dos nossos embaixadores é, de facto, o trabalho e o contributo que dão para que muitas destas coisas possam acontecer”, mencionando a “dimensão” e a “frequência” com que acontecem.

Veja também...

Histórico de Notícias

« Novembro 2017 »
Seg Ter Qua Qui Sex Sab Dom
    1 2 3 4 5
6 7 8 9 10 11 12
13 14 15 16 17 18 19
20 21 22 23 24 25 26
27 28 29 30