“Haveria vantagem, não do ponto de vista obrigatório, mas facultativo” sobre Serviço Militar Obrigatório, diz Nuno Melo no seu comentário semanal (c/som)

Publicado em Revista de Imprensa 06 abril, 2017

O eurodeputado Nuno Melo, eleito pelo CDS/PP, no seu comentário desta quinta-feira, 6 de Abril, começou por falar sobre o Serviço Militar Obrigatório, que recentemente na europa e nacionalmente têm surgido algumas notícias, dizendo “eu fiz tropa, e não me fez mal nenhum”.

“Eu acho desde logo que haveria vantagem, não do ponto de vista obrigatório, mas facultativo”, referiu o Comentador da Rádio Campanário, indicando ainda que “são imensos os conhecimentos com vantagem para a vida, que se acaba por conseguir”.

Numa prestativa de defesa nacional o eurodeputado referiu, “o serviço militar não tem que ser encarado apenas como uma prestativa de trabalho, pode ser de experiencia”.

“Na tropa, não há ricos e pobres (…) há um sentido de hierarquia que se aprende, e que muita gente nunca teve”, indicando que tem dificuldade, para já, “de assumir como definitiva a ideia da recruta ou do serviço militar obrigatório”, mas que lhe parece importante “que o Estado garantisse aos jovens que quisessem, essa possibilidade”.

Já no final do seu comentário o eurodeputado falou sobre o IRS onde recentemente os deputados chumbaram os subsídios de renda para os senhorios, dizendo que “essa atualização deve acontecer”.

“Neste momento o Governo Socialista reverteu a medida, isso é que me parece negligenciável”, referiu o Comentador Nuno Melo.

Sobre as rendas serem aumentadas, em contraproposta as condições oferecidas têm que ser melhor, “dai a importância da atualização das rendas” acrescentou o eurodeputado, sublinhando logo de seguida, “para que esses direitos possam ser cumpridos (…) o senhorio tem que poder receber uma renda que seja justa e que lhe permita um aforro”.

Veja também...

Histórico de Notícias

« Agosto 2017 »
Seg Ter Qua Qui Sex Sab Dom
  1 2 3 4 5 6
7 8 9 10 11 12 13
14 15 16 17 18 19 20
21 22 23 24 25 26 27
28 29 30 31