×

Alerta

JUser: :_load: Não foi possível carregar o utilizador com o ID: 63
JUser: :_load: Não foi possível carregar o utilizador com o ID: 68

Comentário semanal, do eurodeputado Carlos Zorrinho, aos microfones da Rádio Campanário (c/som)

Revista de Imprensa 06 Jul. 2021

Na revista de imprensa de hoje, dia 6 de julho, contámos com o comentário habitual do eurodeputado do PS, Carlos Zorrinho.

 

No comentário de hoje, os temas abordados foram: a extinção do SEF já chegou ao Parlamento, com o Governo a distribuir as competências pela Polícia Judiciária, pela GNR e pela PSP, a saída do ministro Santos Silva do Governo, dizendo que “o PS quer uma remodelação antes das autárquicas”, o facto de o Governo não querer ir mais longe nas restrições do contexto pandémico, e por último o processo da detenção de Joe Berardo.

 

Relativamente ao primeiro tema, quando questionado sobre como espera que esta proposta de lei seja votada, o eurodeputado refere que “penso que acabará por ser aprovada, com algumas alterações”, e que “é uma lei muito importante, do âmbito da segurança nacional, portanto o sítio certo para ser debatida com toda a frontalidade é na Assembleia da República”. Adicionou ainda que, já tendo tido a tutela administrativa do SEF, “compreendo que é importante alguma reorganização do sistema de segurança em Portugal, atribuindo ao Serviço de Fronteiras um serviço de controlo, acolhimento e de verificação, e no fundo atribuindo às polícias o trabalho que o estado soberano tem que ter”. Conclui que “vai ser interessante assistir ao debate (…) e não se deve partir para este debate com ideias feitas”.

 

Ainda dentro do mesmo tema, quando posta em causa a ligação desta reforma do SEF com a situação do homicídio do cidadão ucraniano, Carlos Zorrinho refere que “há muito tempo que se discutia a necessidade de fazer essa reformação”, adicionando que “é óbvio que o facto da forma como morreu o cidadão ucraniano terá despoletado e terá criado as condições políticas para acelerar o processo”.

 

Passando ao segundo tema, sobre a frase de Santos Silva, o eurodeputado declarou que “só quem sabe é mesmo o Secretário Geral de António Costa. Nos muitos anos de política fui aprendendo, com uma ou outra exceção, que as remodelações nunca acontecem quando se anunciam, nunca são exatamente como se anunciam”. Continua dizendo que “acredito que é normal que neste Governo, que já tem 6 anos, que se manteve quase inalterado, deve ser altura de sofrer alterações, mas só na cabeça de António Costa estará a verdade”.

 

Ao acontecer esta remodelação, sobre a imperatividade da substituição do ministro Eduardo Cabrita, o eurodeputado opinou que “a demissão de Eduardo Cabrita foi pedida por pelo menos uma dúzia de razões, (…) se isso acontecer não será por esse motivo”.

 

Quanto ao terceiro tema, Carlos Zorrinho declarou que “é sempre muito difícil fazer prognósticos (…) mas o que neste já mais de ano e meio de pandemia aprendemos é que há muitas formas de mitigar o impacto do vírus, e há restrições que funcionam e restrições que funcionam menos bem”, referindo que “é normal que algumas restrições que têm sido impostas tenham sido objeto de alguma análise crítica”. Adicionou que “precisamos de usar outras armas que sejam mais adequadas à circunstância atual e que sejam o menos gravosas possível para a economia e para a sociedade”.

 

Por último, relativo ao quarto tema, sobre a possibilidade de a justiça estar agora mais atenta, o eurodeputado referiu que “essa é de facto a grande conclusão, é que a nossa justiça é demasiado morosa, e ainda temos razões para dizer que tem alguma dificuldade em lidar com os poderosos”, declarando que “os poderosos têm mais capacidades de se protegerem porque têm mais capacidade de recorrerem aos próprios meios da justiça para se defenderem”. Concluiu dizendo que “a nossa justiça está mais forte, e está a conseguir chegar mais perto daqueles que têm mais meios”, declarando que é um “sinal que a justiça está a melhorar”.

Veja também...

Histórico de Notícias

« Julho 2021 »
Seg Ter Qua Qui Sex Sab Dom
      1 2 3 4
5 6 7 8 9 10 11
12 13 14 15 16 17 18
19 20 21 22 23 24 25
26 27 28 29 30 31