×

Alerta

JUser: :_load: Não foi possível carregar o utilizador com o ID: 63
JUser: :_load: Não foi possível carregar o utilizador com o ID: 68

Esquiador José Cabeça homenageado pela autarquia de Évora

Esquiador José Cabeça homenageado pela autarquia de Évora CM Évora
Desporto 30 Mar. 2021
Atleta eborense garantiu recentemente um lugar para os jogos olímpicos de Inverno.
 
A Câmara Municipal de Évora, através do seu presidente Carlos Pinto de Sá e da vice-presidente Sara Dimas Fernandes, homenageou hoje o atleta eborense José Cabeça que recentemente garantiu uma vaga olímpica para Portugal no Campeonato do Mundo de esqui nórdico, em Oberstdorf, na Alemanha.
 
O atleta, de 24 anos, natural de Évora e a residir há sete meses no Dubai, terminou a prova de qualificação no "cross-country" no 48.º lugar, com 29.14,2 minutos, a 04.50,4 do primeiro, o tailandês Mark Chanlong, e fez 250 pontos, abaixo dos 300 que permitem o seu acesso a Pequim2022.
 
Nesta receção no Paços do Concelho, que contou com a presença dos pais do atleta, do delegado regional do Alentejo do IPDJ e de elementos da Divisão de Desporto da edilidade, o autarca de Évora destacou o vasto currículo desportivo do atleta eborense, “que tem vingado em várias modalidades, nomeadamente no triatlo e agora no esqui, sendo uma referência e um exemplo para a juventude do nosso concelho. Em nome de Évora o nosso obrigado e muitos parabéns!”.
 
José Cabeça, para além de agradecer a homenagem durante a qual foi oferecida uma serigrafia da cidade e uma sweatshirt alusiva à candidatura da cidade a Capital Europeia da Cultura, revelou que este resultado foi fruto de muita perseverança e alguma loucura. ”Em janeiro do ano passado não sabia esquiar”, revelou.
 
Agora, e com o lugar garantido para os Jogos Olímpicos de Inverno, José Cabeça, habituado a praticar desporto desde tenra idade, nomeadamente karaté e natação, até se fixar, em boa hora, no triatlo, encara o esqui de outra forma, estando à procura de um treinador. “Eu aprendi a esquiar sozinho, através da observação, e de muito roller skate nas variantes da Embraer e na estrada da Valeira. Contudo, se quero progredir e um dia, quem sabe, ambicionar não só a simples presença numa competição mundial, mas sim os lugares de pódio tenho de evoluir. Teno de ir para os países nórdicos e ter orientação técnica”, frisou.

Últimas notícias

Histórico de Notícias

« Abril 2021 »
Seg Ter Qua Qui Sex Sab Dom
      1 2 3 4
5 6 7 8 9 10 11
12 13 14 15 16 17 18
19 20 21 22 23 24 25
26 27 28 29 30