16 Jun. 2021
Nuno Rocha
Ponto de Contacto
11:00-13:00
×

Alerta

JUser: :_load: Não foi possível carregar o utilizador com o ID: 63
JUser: :_load: Não foi possível carregar o utilizador com o ID: 68

Ceia da Silva diz: “Este museu é um investimento de 3,4 M€ . Os fundos comunitários financiam projetos de grande qualidade” (c/ som)

Entrevistas 31 maio 2021

A Rádio campanário marcou presença na inauguração do Museu de Arqueologia e Etnografia de Elvas, e falou com António Ceia da Silva, Presidente da CCDR Alentejo.

O Presidente da CCDR, sobre o museu afirma que foram investidos “cerca de 3 milhões e 400 mil Euros, trata-se de facto de uma obra de arte, e como a Sra. Ministra disse, os fundos de coesão, os fundos estruturais, servem para isto, servem para financiar projetos de grande qualidade”.

E realça, no seu discurso, as potencialidades que o Museu traz, tanto para a cidade, como a sua importância para o Alentejo e para o país:

este projeto renovou aqui uma zona de uma cidade que é património da humanidade, que está requalificado, um edifício que era, também ele, património da UNESCO e para além do mais é um museu diferente dos outros, é um museu que tem muita inovação tem, de facto, muitíssima qualidade foi feito com muita alma e com muito coração, e devo dizer o seguinte, como todos nós temos as nossas memórias, como eu disse na minha intervenção, temos as nossas fotografias, recordamos as nossas infâncias, uma cidade também deve ter a sua memória coletiva e essa está bem expressa aqui neste museu portanto, Elvas fica Hoje mais rico, ficam os Elvenses, mas fica também o Alentejo, e o país”.

 

 

Últimas notícias

Histórico de Notícias

« Junho 2021 »
Seg Ter Qua Qui Sex Sab Dom
  1 2 3 4 5 6
7 8 9 10 11 12 13
14 15 16 17 18 19 20
21 22 23 24 25 26 27
28 29 30