19 Out. 2021
Augusta Serrano;
Firmamento da Noite
22:00-04:00

Bencatel

EXCLUSIVO RC: Anjos lançam-se na indústria dos mármores e compram pedreiras em Bencatel(c/som)

Entrevistas 27 Jul. 2021

Nelson e Sérgio Rosado são sobejamente conhecidos no panorama musical devido ao sucesso da dupla Anjos.Os irmãos Rosado têm ainda uma grande ligação ao Alentejo.

Os Anjos têm agora um novo projeto para o concelho de Vila Viçosa, nomeadamente no setor dos mármores explorando uma atividade que até agora não fazia parte dos seus projetos.

Os Anjos atuaram recentemente no Coliseu do Redondo onde a Rádio Campanário marcou presença e à margem deste evento, falou com a dupla sobre este novo projeto que envolve o sector dos mármores.

Em exclusivo á Rádio Campanário, Nelson Rosado começou por contar-nos a grande proximidade desta dupla à família Mocho, de Bencatel, conhecida nesta área de atividade referindo “quis o destino que houvesse aqui uma colaboração, a título de amizade, fornecendo alguns serviços de pessoas que trabalham connosco, nomeadamente de aconselhamento a vários níveis, e de onde surgiu a possibilidade de  um novo desafio.”

Segundo Nelson Rosado “fomos convidados a aceitar este novo desafio, que não envolve a família Mocho por a mesma se ter afastado de tudo isto, e de repente, apesar de não perceber da operação industrial do mármore ainda que conhecendo os vários tipos de mármores existentes, abraçámo-lo.”

Os Anjos adquiriram assim duas pedreiras, a Herdade da Vigária e a Pedreira da GHC, que eram propriedade da empresa A. Mocho, Lda. que, entretanto, fechou, negócio descrito por Nelson rosado como “um projeto com os pés bem assentes na terra”, mas no qual não participam sozinhos.

Nelson e Sérgio Rosado têm 50% do negócio e convidaram para fazer parte dele um Empresário de Calcários da zona centro do país, que ficou com os restantes 50%. Justificam não ter escolhido ninguém da área aqui do concelho porque “essas pessoas já têm os seus próprios negócios.”

Apesar de ser um negócio numa área nova, Nelson Rosado diz conhecer os diversos tipos de mármore existentes tendo, durante um período de 1 ano e meio, estabelecido contactos nesta área e com países como o Dubai, Turquia, Singapura, E.U.A, Canadá, França e Bélgica referindo prontamente  "não há quantidade de pedra suficiente para fornecer esta gente toda pelo que vamos seguramente estabelecer parcerias com outros empresários do ramo.”

Bencatel, afirma Nelson Rosado, “tem grandes reservas de mármore, de muito boa qualidade" deixando uma certeza” o mercado mundial está ávido de pedra, portanto há lugar para todos.”

Foi criada uma empresa, cujo nome é GlobalStone e esclarecem “não comprámos a dívida da empresa A. Mocho mas sim uma parte do negócio, que estava separado da empresa, ou seja, duas pedreiras para as quais temos licença de exploração.“

Questionados pela Rádio Campanário se era sua intenção readmitir os trabalhadores que estavam ao serviço da Empresa A. Mocho, uma vez que a mesma encerrou, Nelson Rosado responde “nós não conseguimos contratar toda a gente infelizmente porque como já dissemos é um projeto com os pés bem assentes na terra e vamos devagarinho porque queremos fazer a coisa bem estruturada“ adiantando, contudo que “foram readmitidos quatro desses trabalhadores.”

Nelson Rosado sublinha que vai estar na pedreira, assim como o seu irmão, sempre que puderem porque “queremos aprender como aquilo funciona“ acrescentando, contudo que "a extração do mármore, apesar de terem agora este negócio, não é a sua missão."

O irmão, Sérgio Rosado vai mais longe e evidencia “a nossa carreira permite-nos fazer algumas coisas fora da caixa, apesar do nosso foco principal continuar a ser a música,  onde estamos a desenvolver neste momento projetos importantes e grandes.”

Oiça aqui a entrevista:

 

Últimas notícias

Histórico de Notícias

« Outubro 2021 »
Seg Ter Qua Qui Sex Sab Dom
        1 2 3
4 5 6 7 8 9 10
11 12 13 14 15 16 17
18 19 20 21 22 23 24
25 26 27 28 29 30 31