Beja

Beja: Homem julgado por duas tentativas de homicídio condenado a 5 anos de pena suspensa

Regional 21 Jul. 2021

John Clarke, que esteve em prisão até ao julgamento, foi condenado a 5 anos de prisão, em cúmulo jurídico, ficando em liberdade porque a pena foi suspensa pelo mesmo período, conforme avançado pelo Lidador Notícias.

Recorde que, tal como a RC já tinha noticiado, o britânico foi julgado por sete crimes: dois de homicídio na forma tentada, um de detenção de arma proibida, um de injúrias agravada, um crime de resistência e coação sobre funcionário, um de ofensas à integridade física simples, e um de ameaça agravada. A mãe Sharon Clarke, de 49 anos, é também acusada de um crime de injúrias agravada.

Os factos remontam a outubro de 2020, onde John Clarke, de 30 anos, residente no Monte do Vale, em Trindade(Beja), esfaqueou duas pessoas junto ao café Riba Terges no dia 3 de outubro, após ter avistado um homem com quem tinha distcutido em dias anteriores, depois do cão do britânico ter ferido as ovelhas do senhor e este ter acionado a GNR.   

Chegou ao café, com um punhal, tendo-se dirigido a Joaquim Sebastião com insultos, desferindo-lhe vários golpes. Manuel Raposo, a segunda vítima, que procurou terminar o conflito entre os dois homens foi também esfaqueado por John Clarke.

John Clarke foi impedido por terceiros de tirar a vida a estes dois homens. Posteriormente fugiu do local, e, perseguido pelos populares que se encontravam na zona, ainda foi agredido, sendo salvo de um linchamento pela GNR.

Depois de ter sido detio pela GNR, o Britânico reagiu violentamente com um dos militares, tendo que ser algemado e transportado para o posto da GNR de Beja.

Ana Veigas

Últimas notícias

Histórico de Notícias

« Outubro 2021 »
Seg Ter Qua Qui Sex Sab Dom
        1 2 3
4 5 6 7 8 9 10
11 12 13 14 15 16 17
18 19 20 21 22 23 24
25 26 27 28 29 30 31