×

Alerta

JUser: :_load: Não foi possível carregar o utilizador com o ID: 64

Evora

Câmara Municipal disponibiliza espaço para receber utentes do lar ilegal de Évora

Regional 11 Set. 2020

Tal como a Rádio Campanário noticiou esta tarde, num lar particular na periferia de Évora, foram hoje testados utentes e funcionários, após ter sido detetado um caso positivo na instituição, de acordo com a informação avançada à Diana FM por Carlos Pinto de Sá, presidente do município eborense.

Conforme notícia avançada já esta noite pela Agência Lusa, mais de 40 utentes e funcionários de um lar ilegal, situado perto de Évora, foram hoje testados para a covid-19, depois de ter sido detetado um caso positivo, disseram fontes do município e dos serviços de saúde.

Segundo avança a Lusa, o opresidente da Câmara de Évora, Carlos Pinto de Sá, indicou à agência Lusa que um idoso do lar foi transportado para o hospital da cidade na quinta-feira, tendo feito o teste para a covid-19, que deu resultado positivo.

Segundo o autarca, os restantes utentes e os funcionários do lar realizaram esta tarde os testes, cujos resultados só deverão ser conhecidos no sábado.

Carlos Pinto de Sá adiantou à mesma fonte(agência Lusa) que o lar está ilegal porque se localiza numa zona da cidade cujo plano de urbanização não permite a instalação de lares, assinalando que a proprietária "está a procurar legalizar" a instituição.

Contactada pela Lusa, fonte dos serviços de saúde precisou que o lar tem "cerca de 25 utentes e 18 funcionários", adiantando que o até agora único caso confirmado de covid-19 está internado no Hospital do Espírito Santo de Évora (HESE).

A fonte realçou que, como se trata de um lar ilegal, "a forma de atuar das autoridades vai levar à transferência dos utentes", o que deverá acontecer quando forem conhecidos os resultados dos testes.

"Os utentes serão transferidos para um espaço de retaguarda definido pela Câmara de Évora em articularão com a Autoridade de Saúde Pública, Segurança Social e Proteção Civil", sublinhou.

O presidente da Câmara de Évora frisou que "vários equipamentos" na cidade estão prontos para "receber doentes covid-19 e não covid-19" e que as autoridades estão a tentar encontrar "o local mais adequado para os idosos". "Temos três ou quatro hipóteses possíveis, mas a Saúde Pública terá de avaliar para avançarmos", acrescentou.

De acordo com a fonte dos serviços de saúde, alguns idosos do lar apresentam "sintomas muito pouco evidentes, como tosse e nariz entupido", pelo que, nas próximas horas, "poderá haver algumas idas de utentes com sintomatologia ao HESE".


 

 

Últimas notícias

Histórico de Notícias

« Novembro 2020 »
Seg Ter Qua Qui Sex Sab Dom
            1
2 3 4 5 6 7 8
9 10 11 12 13 14 15
16 17 18 19 20 21 22
23 24 25 26 27 28 29
30