×

Alerta

JUser: :_load: Não foi possível carregar o utilizador com o ID: 63
JUser: :_load: Não foi possível carregar o utilizador com o ID: 68

Alentejo

CIMAC integra projeto internacional em defesa das cadeias curtas de distribuição agro-alimentar

CIMAC integra projeto internacional em defesa das cadeias curtas de distribuição agro-alimentar Foto: CIMAC
Regional 05 Mar. 2021

A CIMAC - Comunidade Intermunicipal do Alentejo Central é parceira no projeto internacional "SoEClose", que cultiva a ideia de que as economias locais são fundamentais para a proteção da paisagem e dos solos, mas também na proteção e criação de emprego.

O projeto, aprovado recentemente, agrega parceiros de três regiões, sendo elas a Diputación de Almeria (Andaluzia, Espanha), a CIMAC, o Departamento La Drôme  (Auvérnia-Ródano-Alpes, França) e um parceiro com intervenção transversal, a REVES- European Network of Cities and Regions for Social Economy.

As três regiões envolvidas têm historicamente vindo a desenvolver os seus sectores agro-alimentares e procurado implementar sistemas e modelos de agricultura sustentável, orgânica e comunitária, nas quais a economia social se torna fundamental na criação de coesão social e resiliência económica.

O principal desafio do projeto é decifrar como usar os princípios da economia social nas cadeias curtas de distribuição agro-alimentar em áreas ambientalmente e socialmente vulneráveis e um contexto de baixa densidade (comum às três regiões envolvidas).

Através da mobilização de redes regionais por parte de cada parceiro, o projeto irá centrar-se em três dimensões, traduzidas na realização de três workshops, 3 webinars, dos quais resultarão orientações e um conjunto de boas práticas na aplicação da economia social nas cadeias curtas de distribuição nas cadeias agro-alimentares sustentáveis:

  1. Processos de certificação (com particular incidência na certificação “Km0”)
  2. Agricultura biológica
  3. Modelos de economia social nas cadeias de produção

Da rede base mobilizada por parte do Alentejo Central para participação nas atividades, contam-se as seguintes entidades:

  • INSTITUTO MEDITERRÂNEO PARA A AGRICULTURA, AMBIENTE E DESENVOLVIMENTO (Universidade de Évora)
  • AMAP Portugal – Associação para a Manutenção de Agricultura de Proximidade
  • MONTE-ADL
  • SLOW FOOD Portugal
  • MUNICÍPIO DE ÉVORA (experiência Km0)
  • MUNICÍPIO DE MONTEMOR-O-NOVO (experiência Km0 e Estratégia Alimentar do Concelho)
  • COOPERATIVA MINGA
  • FEA – Fundação Eugénio de Almeida

O projeto tem uma duração de 24 meses, tendo iniciado em fevereiro de 2021 e é financiado pelo Programa COSME – Missões de Economia Social, União Europeia

Últimas notícias

Histórico de Notícias

« Abril 2021 »
Seg Ter Qua Qui Sex Sab Dom
      1 2 3 4
5 6 7 8 9 10 11
12 13 14 15 16 17 18
19 20 21 22 23 24 25
26 27 28 29 30