16 Abr. 2021
Augusta Serrano;
Firmamento da Noite
22:00-04:00
×

Alerta

JUser: :_load: Não foi possível carregar o utilizador com o ID: 63
JUser: :_load: Não foi possível carregar o utilizador com o ID: 68

GNR

DISCRIMINACAO

IGUALDADE

Dia Mundial da Discriminação Zero é assinalado pela GNR

Regional 01 Mar. 2021

A GNR (Guarda Nacional Republicana) assinala hoje, dia 1 de março, o Dia Mundial da Discriminação Zero com o objetivo de consciencializar a população para as diferentes formas de discriminação e desigualdades, como forma de prevenir comportamentos discriminatórios. A GNR relembra que a vontade de viver numa sociedade mais segura, justa, tolerante e inclusiva é uma prioridade e que depende do desenvolvimento sustentável em todo o espectro social.

Além de sensibilizar a população, a Guarda Nacional Republicana tem desenvolvido ações de formação ao seu efetivo, para que esteja cada vez mais bem preparado para enquadrar, tratar e acompanhar esta realidade. Assim sendo, a GNR realiza hoje a primeira sessão de uma videoconferência subordinada ao tema “Direitos Humanos, Racismo, Discriminação Racial, Xenofobia e Intolerância relacionada”, em que o público-alvo são os seus militares, havendo lugar a uma segunda sessão a 8 de março. A Guarda Nacional Republicana tem integrado continuamente esta temática nos planos curriculares de todos os seus cursos, tendo realizado recentemente três cursos de Prevenção Criminal, Policiamento Comunitário e Direitos Humanos aos militares das Secções de Prevenção Criminal e Policiamento Comunitário, além de ter formado mais de 100 militares no âmbito de uma ação direcionada para a discriminação racial.

No contexto atual de pandemia, e em complemento das ações que vêm sendo desencadeadas por todo o seu dispositivo, a GNR tem lançado campanhas nacionais com o objetivo de combater todas as formas de discriminação e proteger os mais vulneráveis, como os idosos, as crianças, as pessoas com deficiência e as pessoas vítimas de violência doméstica.

A GNR reforça a máxima de que todas as pessoas são iguais perante a lei e que todas as pessoas devem ser tratadas com respeito, independentemente da sua raça, orientação sexual, género, religião, nacionalidade, deficiência ou estrato social, devendo ter sempre conhecimento dos seus direitos e dos seus deveres. Ao encontro desta máxima de respeito social, a Guarda Nacional Republicana apela à imediata denúncia de qualquer comportamento de discriminação.

Últimas notícias

Histórico de Notícias

« Abril 2021 »
Seg Ter Qua Qui Sex Sab Dom
      1 2 3 4
5 6 7 8 9 10 11
12 13 14 15 16 17 18
19 20 21 22 23 24 25
26 27 28 29 30