07 Fev. 2023
Nuno Rocha
Ponto de Contacto
11:00-13:00

Castro Verde

Festival Futurama termina em Castro Verde!

Regional Escrito por  20 Out. 2022

A 1.ª edição do Festival Futurama termina em Castro Verde, depois de três fins de semana memoráveis em Mértola, Beja e Serpa.

 

A 21 e 22 de outubro, a programação mantém-se diversa, representativa e inclusiva com a instalação/performance de Os Espacialistas e alunos da Escola Secundária de Castro Verde, a estreia nacional do documentário “As Sementes de Vandana Shiva”, a estreia do concerto encomendado que junta a harpista Angélica Salvi aos Tocadores de Viola Campaniça de Castro Verde, a performance-recital “Pasolini Sou Eu” de John Romão ou a última apresentação do projeto inédito Cantexto no festival

Castro Verde é a última paragem da 1.ª edição do Festival Futurama, que começou em Mértola e passou por Beja e Serpa. Nos dias 21 e 22 de outubro, este novo circuito de programação transdisciplinar, num forte compromisso com a diversidade e a representatividade, volta a partilhar com o público um cruzamento de artistas e o resultado de um autêntico laboratório de experimentação na sub-região do Baixo Alentejo.

Amanhã, às 17h, o coletivo de artistas e arquitetos Os Espacialistas inaugura o programa com a instalação e performance que surgiu de um workshop desenvolvido em colaboração com a turma do 11.º ano da Escola Secundário de Castro Verde, e que expressa a importante missão do Futurama em colocar as artes em diálogo com a educação. Uma hora mais tarde, no Centro de Artes e da Viola Campaniça, as Embaixadoras Futurama, constituídas por jovens do Alentejo, persistem na celebração e na reflexão dos valores de abril, com a performance “O que te faz livre”, desta vez em colaboração com o músico local Tomás Caço. Segue-se a estreia em Portugal do filme “As Sementes de Vandana Shiva” de Camilla Becket e James Becket, acerca da ecofeminista indiana - uma das maiores ativistas vivas do mundo. Para ver no Cine-Teatro Municipal, às 19h30, o documentário mostra como Vandana Shiva inspira um movimento internacional transformador. Pelas 22h, no edifício dos Bombeiros Voluntários de Castro Verde, a propósito do centenário de Pier Paolo Pasolini, o diretor artístico e programador do Futurama, John Romão, no papel de encenador, apresenta o recital-performance que celebra a poesia do artista italiano, através da palavra e do corpo pelos quais se debateu. “Pasolini Sou Eu” conta, no elenco, com Ana Bustorff, Guilherme Moura, Pedro Lacerda e Solange Freitas, com a música de Nicolai Sarbib e termina em festa ao som do DJ Vitor Domingos.

O arranque do último dia da 1.ª edição do Festival Futurama, sábado, às 17h, no Cine-Teatro Municipal, volta a reunir oito grupos corais de cante alentejano para o concerto Cantexto. Os grupos, de Serpa, Beja, Mértola e Castro Verde, cantam novos poemas encomendados a oito autores contemporâneos (Hélia Correia, José Luís Peixoto, Patrícia Portela, Valério Romão, Matilde Campilho, Gonçalo M. Tavares, Djaimilia Pereira de Almeida e Tiago Rodrigues), escritos para a ocasião, com melodias compostas por Paulo Ribeiro, Armando Torrão, Matilde Campilho e o grupo coral Cantadores do Desassossego. À noite, pelas 21h, no Fórum Municipal, a compositora e harpista espanhola Angélica Salvi junta-se ao grupo de jovens Tocadores de Viola Campaniça de Castro Verde - um concerto comissionado e único que une as sonoridades celestes da harpa ao timbre singular e tradicional da viola campaniça. A encerrar a 1.ª edição do Festival Futurama, a DJ com raízes alentejanas ZenGxrl lança para a pista de dança, no Largo da Feira, os ritmos do amapiano, afrobeats e bailefunk, a partir das 23h.

De forma a que o acesso à programação seja o mais inclusivo e acessível possível, cabe a cada pessoa definir o valor do seu bilhete, a partir de 1€ por atividade.

A 1.ª edição do Festival Futurama já decorreu em três municípios da sub-região do Baixo Alentejo: Mértola (30 de setembro), Beja (7 e 8 de outubro) e Serpa (14 e 15 de outubro). Esta sexta-feira e sábado, dias 21 e 22 de outubro, ruma a Castro Verde. O diretor artístico e programador John Romão sublinha que, num diálogo entre a tradição e as linguagens contemporâneas, o festival abriu caminho para “um novo circuito e novas sensibilidades artísticas no território”.

O Futurama é financiado pela Direção Geral das Artes / Ministério da Cultura, Câmara Municipal de Beja, Câmara Municipal de Castro Verde, Câmara Municipal de Mértola, Câmara Municipal de Serpa, Câmara Municipal de Vidigueira, Direção Regional de Cultura do Alentejo e Fundação Millennium BCP. Conta com a parceria da Amnistia Internacional, Agrupamento de Escolas Nº1 de Beja, Agrupamento de Escolas Nº2 de Serpa, Agrupamento de Escolas de Mértola, Escolas de Castro Verde, Museu Rainha D. Leonor, O Espaço do Tempo, Santa Casa da Misericórdia de Beja e da Underdogs.

PROGRAMAÇÃO FESTIVAL FUTURAMA 2022 - 1.ª EDIÇÃO

CASTRO VERDE

21 OUTUBRO

OS ESPACIALISTAS E ALUNOS DA ESCOLA SECUNDÁRIA DE CASTRO VERDE
Instalação e performance resultante do workshop com os alunos da Escola Secundária de Castro Verde

EMBAIXADORAS FUTURAMA
Performance participativa em colaboração com o músico Tomás Caço

CAMILLA BECKET E JAMES BECKET
Cinema - Exibição de filme “As Sementes de Vandana Shiva” (estreia nacional)

JOHN ROMÃO
Performance-recital-celebração “Pasolini Sou Eu”

22 OUTUBRO

CANTEXTO / 8 GRUPOS DE CANTE CANTAM POEMAS DE 8 ESCRITORES CONTEMPORÂNEOS
Música - Concerto

ANGÉLICA SALVI E TOCADORES DE VIOLA CAMPANIÇA DE CASTRO VERDE
Música - Concerto comissionado

ZENGXRL
Música - Festa

Últimas notícias

Histórico de Notícias

« Fevereiro 2023 »
Seg Ter Qua Qui Sex Sab Dom
    1 2 3 4 5
6 7 8 9 10 11 12
13 14 15 16 17 18 19
20 21 22 23 24 25 26
27 28