×

Alerta

JUser: :_load: Não foi possível carregar o utilizador com o ID: 63
JUser: :_load: Não foi possível carregar o utilizador com o ID: 68

Alentejo

Habitação: Alentejo regista a única descida no valor mediano das avaliações em comparação com janeiro de 2020

Habitação: Alentejo regista a única descida no valor mediano das avaliações em comparação com janeiro de 2020 Foto: © iStock | Noticias ao minuto
Regional 02 Mar. 2021

A avaliação bancária de habitações subiu em janeiro, tendo-se fixado nos 1.170 euros/m2, um aumento de 14 euros face ao mês anterior.

De acordo com os dados do Inquérito à Avaliação Bancária na Habitação (IABH) revelados pelo Instituto Nacional de Estatística (INE) no dia de hoje, 2 de março, a nível homólogo (janeiro de 2020) a taxa de variação situou-se nos 6,1%, face aos 6,0% de dezembro de 2020.

Em termos de habitação, e em comparação com o mesmo período do ano anterior (janeiro de 2020), o valor médio das avaliações bancárias cresceu 6,1%, registando-se a variação mais intensa no Norte (5,7%) e a única descida no Alentejo (-0,7%).

Olhando para os apartamentos, o valor médio da avaliação foi de 1.284 euros/m2, o que significou um aumento de 7,0% relativamente ao mês homólogo. O valor mais elevado foi registado na Área Metropolitana de Lisboa (1.533 euros/m2) e o mais baixo no Alentejo (864 euros/m2).

O Norte apresentou o crescimento mais expressivo (8,2%), verificando-se a descida mais acentuada no Alentejo (-2,4%).

Por fim, registaram-se no mês em análise 24.857 avaliações bancárias, mais 3,2% que no mesmo período do ano anterior. Destas, 15.805 foram de apartamentos e 9.052 de moradias. Em comparação com o mês de dezembro de 2020 houve uma redução de 1.553 avaliações bancárias, o que corresponde a uma descida de 5,9%.

(Fonte: Jornal de Negócios)

Últimas notícias

Histórico de Notícias

« Abril 2021 »
Seg Ter Qua Qui Sex Sab Dom
      1 2 3 4
5 6 7 8 9 10 11
12 13 14 15 16 17 18
19 20 21 22 23 24 25
26 27 28 29 30