Odemira

Incêndio no Clube Fluvial de Odemira provoca prejuízos de cerca de 200 mil euros!

Regional 12 Out. 2021

O incêndio que destruiu as instalações do Clube Fluvial Odemirense, em Odemira , na madrugada do passado sábado, causou um prejuízo próximo dos “200 mil euros”, mas a coletividade vai manter-se em atividade.

O presidente da coletividade, em declarações à Lusa, conforme notícia avançada pela Sapo, , revelou que o incêndio foi “uma verdadeira tragédia”, destruindo “toda a vida” desta coletividade do distrito de Beja, fundada em 1984.
"Neste momento, estamos quase a zero”, disse o dirigente deste clube de canoagem do litoral alentejano.

De acordo com este responsável,  as chamas destruíram o material que se encontrava no hangar, “incluindo cerca de 60 embarcações”, assim como o ginásio e os balneários assim como o próprio telhado do edifício “está estalado por todo o lado”, não oferecendo “condições de segurança”, acrescentou.

O Presidente deste clube referiu ainda “Foi uma destruição total. Sem contar com o edifício, o prejuízo deve rondar os 200 mil euros ou se calhar mais”, revelou Ilídio Soares, garantindo que o clube tem um seguro que só cobre danos “até 75 mil euros”.

Ainda assim,  o responsável afiançou que a coletividade, que conta com cerca de 50 atletas, não vai parar.

Fonte: Sapo

Últimas notícias

Histórico de Notícias

« Dezembro 2021 »
Seg Ter Qua Qui Sex Sab Dom
    1 2 3 4 5
6 7 8 9 10 11 12
13 14 15 16 17 18 19
20 21 22 23 24 25 26
27 28 29 30 31