09 Dez. 2022
Augusta Serrano
Ecos da Planura
09:00-11:00

Elvas

Município de Elvas alerta para a Gripe Aviária

Regional Escrito por  17 Fev. 2022

Na sequência da deteção de um novo foco de gripe aviária do subtipo H5N1 de alta patogenicidade, em galinhas reprodutoras, a Direção-Geral de Alimentação e Veterinária informa que existe um elevado risco de disseminação da gripe aviária de alta patogenicidade.

Assim foi ativado o plano de contingência para a gripe aviária e as medidas de controlo previstas na legislação em vigor estão a ser implementadas no terreno pela DGAV, através da Direção de Serviços de Alimentação e Veterinária de Lisboa e Vale do Tejo, de acordo uma nota da autarquia.

As medidas incluem, entre outras, a inspeção ao local onde foi detetada a doença e a eliminação do efetivo, a inspeção e colheita de amostras a explorações existentes na zona de proteção até 3 km do foco (existem apenas explorações de detenção caseira) e, na zona de proteção até 10 Km em redor do foco, a aplicação de medidas de vigilância.

As ações mais importantes são as seguintes:

- cumprimento das regras de confinamento das aves e de biossegurança evitando os contactos diretos ou indiretos entre as aves domésticas e as aves selvagens,

- aplicação de procedimentos de higiene de instalações, equipamentos e materiais,

- controlo dos acessos aos estabelecimentos onde são mantidas as aves,

- vigilância de sinais de doença e aumento da mortalidade das aves e seu reporte aos serviços regionais da DGAV.

A intervenção rápida nos focos de infeção por vírus da Gripe Aviária de Alta Patogenicidade é fundamental para evitar a sua disseminação e minimizar as perdas para o setor de produção avícola.

Últimas notícias

Histórico de Notícias

« Dezembro 2022 »
Seg Ter Qua Qui Sex Sab Dom
      1 2 3 4
5 6 7 8 9 10 11
12 13 14 15 16 17 18
19 20 21 22 23 24 25
26 27 28 29 30 31