Alto Alentejo

Municípios do Alto Alentejo aguardam parecer da ERSAR para constituir empresa intermunicipal para gestão da água

arquivo arquivo
Regional 25 Set. 2019

Os municípios de Alter do Chão, Arronches, Castelo de Vide, Crato, Fronteira, Gavião, Marvão, Nisa, Ponte de Sor, e Sousel deliberaram, no final do ano passado, constituir uma Empresa Intermunicipal de Águas do Alto Alentejo para gestão da distribuição de Águas de Abastecimento Público e recolha de efluentes com capitais 100% municipais.

Segundo o comunicado divulgado pela Comunidade Intermunicipal do Alto Alentejo (CIMAA), foram submetidas ao aviso do programa de financiamento POSEUR 32 candidaturas para entidades gestoras agregadas, com as intervenções nos subsistemas de Abastecimento de Água e Águas Residuais.

No total o montante de investimento elegível é de mais de 12,4 milhões de euros a este aviso. Contudo as candidaturas têm sido “objeto de vários pedidos de esclarecimento e audiências prévias”, entretanto respondidas através do Município de Ponte de Sor enquanto líder da agregação.

A Comunidade intermunicipal informa ainda que em maio foi submetida uma outra candidatura intermunicipal para o “controlo e redução de perdas nos sistemas de distribuição e adução de água em baixa”, o que representa um investimento elegível de mais de 1,9 milhões de euros.

Atualmente os municípios parceiros “aguardam a aprovação das candidaturas assim como a emissão do parecer da ERSAR necessário para o visto do Tribunal de Contas, documento indispensável à constituição formal da empresa”, pode ler-se no comunicado.

Últimas notícias

Histórico de Notícias

« Outubro 2020 »
Seg Ter Qua Qui Sex Sab Dom
      1 2 3 4
5 6 7 8 9 10 11
12 13 14 15 16 17 18
19 20 21 22 23 24 25
26 27 28 29 30 31