Beja

Nininho Vaz Maia vai atuar em Beja com a apresentação do álbum de estreia “Raízes”

Nininho Vaz Maia vai atuar em Beja com a apresentação do álbum de estreia “Raízes” Instagram Nininho Vaz Maia
Regional 15 Set. 2021

O músico sensação, Nininho Vaz Maia, que este ano presenteou os fãs com o seu álbum de estreia “Raízes”, no passado mês de julho, vai finalmente subir a palco para dois concertos em nome próprio, onde irá apresentar pela primeira vez ao vivo os 11 temas que compõem o disco, assim como alguns momentos surpresa. Este encontro com os fãs terá muitas outras surpresas e vários momentos inesperados, conforme nota de imprensa enviada à nossa redação.

Esta é a grande estreia de Nininho Vaz Maia ao vivo, com dois concertos únicos e exclusivos para 2021. Dia 30 de outubro é a vez de Beja receber o artista, com um espetáculo no Parque de Feiras e Exposições, e dia 06 de novembro o músico ruma ao Ribatejo, para subir ao palco da Arena de Almeirim.

Estes dois espetáculos, foram desenhados especialmente para esta grande estreia, em duas localidades escolhidas de uma forma muito cuidadosa. A relação de Nininho Vaz Maia com ambas as localidades é forte e emotiva, uma vez que foi por terras alentejanas e ribatejanas que começou a dar os primeiros passos na música.

Os bilhetes estarão disponíveis a partir de sexta-feira, dia 17 de setembro, em todos os pontos de venda habituais. No dia do concerto será entregue à entrada do recinto o álbum “Raízes”, a todos os portadores de bilhetes válidos.

“Raízes” é o álbum de estreia de Nininho Vaz Maia que já se encontra disponível em todas as plataformas digitais e que agora terá a sua versão física disponível para todos os fãs que adquirirem bilhete para os dois concertos. O álbum que conta com 11 faixas é uma verdadeira homenagem às suas raízes, a comunidade cigana. As canções viajam por esse mesmo universo, garantindo um estilo musical único, feito com emoção, sem receio do erro e com um objetivo muito claro: transmitir sentimentos reais.

A mescla explosiva entre o flamenco e a pop de Nininho Vaz Maia, ora cantada em português ora em castelhano, deu provas da sua qualidade e o artista já soma um acumulado superior a 47 milhões de visualizações no YouTube e outros tantos milhões nas plataformas de streaming. Um verdadeiro caso de sucesso que finalmente dá palco em território luso ao género musical declarado em novembro de 2010 Património Cultural Imaterial da Humanidade pela Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura.

Últimas notícias

Histórico de Notícias

« Outubro 2021 »
Seg Ter Qua Qui Sex Sab Dom
        1 2 3
4 5 6 7 8 9 10
11 12 13 14 15 16 17
18 19 20 21 22 23 24
25 26 27 28 29 30 31