07 Ago. 2022
Augusta Serrano;
Firmamento da Noite
22:00-04:00

Portalegre

Portalegre é um dos distritos com maior folga orçamental para compra de casa!

Regional Escrito por  05 Jul. 2022

Comprar casa é cada vez mais dificil para os portugues e está cada vez menos ao seu alcance.

De acordo com um estudo divulgado pelo Idealista, e considerando os preços das casas  a subir a pique e os salários a não acompanharem esta evolução, torna a vida dos portugueses mais difícil.

Assim, e segundo este estudo, os rendimentos reais das famílias não chegam para pagar os encargos anuais com o crédito habitação. E esta é uma realidade sentida na cidade de Lisboa, onde o rendimento familiar real é 83,1% inferior ao necessário para pagar o crédito habitação, segundo os cálculos do idealista. No Porto, esta diferença é de -13,6%.

Contam-se um total de 10 capitais de distrito – incluindo o Funchal e Ponta Delgada, das ilhas - onde os rendimentos reais das famílias não chegam para comprar uma casa com recurso ao crédito habitação, já que são inferiores aos rendimentos mínimos necessários calculados pelo idealista. São eles: Lisboa, Funchal, Viseu, Faro, Ponta Delgada, Braga, Porto, Coimbra, Aveiro e Leiria.

Mas em outras 10 cidades observa-se que os rendimentos reais dos portugueses chegam para comprar a casa aos preços medianos do mercado.

Em Portalegre é onde há maior folga orçamental (56,1%): para comprar uma casa de 75.000 euros (valor mediano), as famílias dispõem de 17.357 euros, enquanto o rendimento necessário é de 7.612 euros. Também em Bragança e em Castelo Branco os rendimentos reais são 36,9% e 29,7% superiores aos rendimentos mínimos necessários para comprar casa, respetivamente.

Fonte: Idealista

Últimas notícias

Histórico de Notícias

« Agosto 2022 »
Seg Ter Qua Qui Sex Sab Dom
1 2 3 4 5 6 7
8 9 10 11 12 13 14
15 16 17 18 19 20 21
22 23 24 25 26 27 28
29 30 31