NACIONAL

Presidente da República afirma que não há alternativa a confinamento geral

Regional 09 Jan. 2021

O Presidente da República afirmou hoje que não há alternativa a um confinamento geral a partir da próxima semana face ao constante aumento do número de casos de infeção com o novo coronavírus em Portugal.

Marcelo Rebelo de Sousa declarou como definitivo um novo confinamento na RTP, onde também assumiu que, no combate à covid-19, "falhou" o conjunto de medidas de atenuação das restrições no período do Natal.

"Em relação ao futuro, penso que não há alternativa ao confinamento geral", declarou o Presidente da República, que, neste contexto, se demarcou de uma solução de apenas serem confinados os cidadãos de grupos de risco, avança a Lusa.

Neste ponto, Marcelo Rebelo de Sousa considerou que o grupo de menor risco "é o das escolas", mas acrescentou que "essa matéria ainda vai ser decidida".

Segundo o chefe de Estado, em relação ao período do Natal, "todos os partidos" se pronunciaram a favor de uma atenuação das medidas e alguns dos quais até a favor de um regime "mais permissivo".

Marcelo Rebelo de Sousa manifestou-se apreensivo com a criação de expetativas muito elevada em relação ao processo de vacinação. Sendo que, "é um processo que pode ser para um ano e meio e não para o dia seguinte", frisou.

 

(Fonte: Lusa)

Últimas notícias

Histórico de Notícias

« Outubro 2021 »
Seg Ter Qua Qui Sex Sab Dom
        1 2 3
4 5 6 7 8 9 10
11 12 13 14 15 16 17
18 19 20 21 22 23 24
25 26 27 28 29 30 31