Trabalho de imigrantes em Odemira dá-lhes acesso ao “visto framboesa” após 7 anos de trabalho, afirma canal franco-alemão

Regional 23 Out. 2021

De acordo com uma reportagem feita pelo canal de televisão franco-alemão de serviço público, "Arte",  "Portugal oferece passaporte e cartão de cidadão aos imigrantes que trabalhem sete anos nas estufas de Odemira e tenham as contas em dia com a Segurança Social e as Finanças."

Na sexta, dia 22 de outubro, o Movimento Juntos pelo Sudoeste revelou que o canal "Arte" - Association Relative à la Télévision Européenne, com sede em Estrasburgo, destacou a produção de frutos vermelhos nas estufas de Odemira numa reportagem. No trabalho feito pela estação e com base nas informações recolhidas, foi destaca por este orgão a “oferta” que o Estado português propõe aos imigrantes, nomeadamente da Índia, Nepal, Tailândia, Paquistão e Bangladesh que andam na "apanha" de framboesas, avançando que "ao fim de sete anos de trabalho ininterrupto, com pagamentos em dia à Segurança Social e às Finanças e a aprendizagem da língua portuguesa, obtém o passaporte e a cidadania portuguesa, apelidando-o de “visto framboesa”."

Fonte: Agro Portal

Últimas notícias

Histórico de Notícias

« Novembro 2021 »
Seg Ter Qua Qui Sex Sab Dom
1 2 3 4 5 6 7
8 9 10 11 12 13 14
15 16 17 18 19 20 21
22 23 24 25 26 27 28
29 30