Imprimir esta página

Evora

Universidade de Évora e GEOTA vão recuperar Monchique

Universidade de Évora e GEOTA vão recuperar Monchique Foto: FIlipe Farinha / Lusa
Regional 29 Jan. 2020

A Universidade de Évora e o Grupo de Estudos de Ordenamento do Território e Ambiente (GEOTA) assinaram um protocolo de colaboração mútua no início do mês de janeiro com o intuito de ser feita uma cooperação entre os projetos de conservação que ambas as entidades coordenam  na serra de Monchique.

A universidade de Évora coordena o Life-Relict, este que é um projeto que existe com o propósito de conservar um dos habitats mais raros da Europa e um dos mais únicos na serra de Monchique. O Life-Relict tem como principal objetivo a conservação das comunidades arborescentes de espécies lauróides.

O GEOTA tem a seu cargo o projeto Renature Monchique, que pretende restaurar os principais habitats da Rede Natura 2000 que foram afetados pelo incêndio de 2018, considerado o maior de Europa, onde mais de 27 mil hectares foram consumidos.