07 Fev. 2023
Nuno Rocha
Ponto de Contacto
11:00-13:00

Elvas

"Elvas e o Alentejo são símbolos de resistência e força, é necessário transportar essa resiliência para as adversidades dos dias de hoje", diz Sec. Est. da Educação (c/som e fotos)

Reportagens Escrito por  14 Jan. 2020

Decorreram esta terça feira, 14 de janeiro, as Cerimónias das Comemorações dos 361 da Batalha das Linhas de Elvas.

As cerimónias contaram com a presença da Secretária de Estado da Educação, Susana Amador, que aos microfones da Rádio Campanário, presente nas cerimónias, começou por referir tratar-se de “um dia de memória coletiva”, lembrando que “não existe povo com futuro se não olharmos para o seu passado”.

Susana Amador refere que “estas cerimónias são muito importantes sobretudo pela resiliência que aconteceu faz hoje 361 anos”

“É preciso transportar esta resistências ás adversidades para os dias de hoje”
Susana Amador

 

A Secretária de Estado afirma que “os elvenses são um símbolo e um sinónimo dessa resistência, até porque o Alentejo é sinal de força e resiliência”.

Susana Amador manifesta “as maiores felicidades a este povo e a esta autarquia para os desafios futuros, onde o combate ás desigualdades e a defesa do estado social são de facto muito importantes”.

Para Nuno Mocinha, presidente da Câmara Municipal de Elvas, este dia “mais do que uma batalha nós prestamos homenagem a todos aqueles, homens e mulheres, que sofreram o cerco dessa mesma batalha”.

O presidente refere que “eles deixaram-nos uma grande lição, pois souberam unir-se e defender aquilo que era a sua terra”.

“A minha mensagem de hoje é de união em torno do nosso concelho”
Nuno Mocinha

 

Nuno Mocinha considera que “é sempre um prazer reviver este dia”, acrescentando que “esta moldura humana é impressionante, agradeço a todos os que aqui vêm”.

Para o Comendador Rondão de Almeida, “estamos a falar de uma das batalhas mais importantes, que teve a ver com a expulsão dos espanhóis da nossa linha fronteiriça”.

“Elvas tem sabido honrar o feito dos nossos antepassados"
Rondão de Almeida

 

O Comendador considera que “celebramos a força de todos aqueles que defenderam a independência de Portugal”.

Últimas notícias

Histórico de Notícias

« Fevereiro 2023 »
Seg Ter Qua Qui Sex Sab Dom
    1 2 3 4 5
6 7 8 9 10 11 12
13 14 15 16 17 18 19
20 21 22 23 24 25 26
27 28